Gadoo - Notícias e Curiosidades

10 animais nascidos com raras mutações de cores

Compartilhe:

Todos nós já estamos acostumados com as cores de determinados animais, porém alguns acabam nascendo com tonalidades incomuns.

Em certos casos, essas alterações não fazem muita diferença, mas em outros elas são capazes de chamar bastante atenção.

Esse é o caso dos bichos que mostraremos a seguir, eles nasceram com raras mutações de cor. Quer ver só?

Então dá só uma olhadinha:

Animais nascidos com raras mutações de cores

Alguns bichos acabam nascendo com tonalidades incomuns. Seleção traz 10 animais nascidos com raras mutações de cores.

1. Urso panda marrom: em Qinling, na China, há alguns pandas que são marrons, com pelos mais beges nos locais em que geralmente os pelos deviam ser brancos. Apesar de raros, já foram vistos cinco pandas marrons por lá, sendo observados desde 1985 e pode haver mais. Em 2005, os cientistas declararam esses animais como uma subespécie dos pandas.

2. Existem cerca de 17 espécies de pinguins no planeta e geralmente eles apresentam as cores preta e branca, com algumas tonalidades amarelas no topo da cabeça. No entanto, um fotógrafo da National Geographic registrou um pinguim totalmente preto. De acordo os biólogos, eles são extremamente raros. Nesse caso, ele possui melanismo.

3. Vênus, a gata quimérica: é um dos exemplos mais bizarros dessa seleção. O seu rosto é dividido ao meio, com duas cores bem distintas, além dos olhos também serem de cores diferentes (um é azul e o outro é verde). No corpo, os pelos não se dividem tão precisamente como na cabeça, e são mais mesclados. É provável que a gatinha tenha passado por quimerismo, um fenômeno que acontece quando dois embriões se fundem no útero e criam apenas um ser.

4. Zebra com melanismo: algumas zebras com excesso de melanismo também já foram vistas. Isso deixa suas listras menos visíveis. Este fenômeno faz com que esses animais vivam menos do que as outras zebras, pois são mais frágeis.

Foto: MegaCurioso

Foto: MegaCurioso

5. A zebra branca: nesse caso há falta de melanina, e aconteceu com a Zebra Zoe, que vive atualmente em um zoológico no Havaí, EUA. As suas listras são mais brancas e o preto quase não existe, os olhos do animal também são brancos e a crina é quase bege. O resultado é bem raro e bonito.


PUBLICIDADE

6. Canguru albino: o canguru cinzento oriental é uma espécie de marsupial que pode alcançar 2,10 metros de altura e pesar mais de 50 quilos. Os cangurus albinos dessa espécie são muito raros, porém, um foi flagrado no Parque Nacional Namadgi, leste da Austrália. Ela foi batizada de Renée, pois se acredita que seja uma fêmea, e possui os olhos bem vermelhos. Infelizmente, esses animais são presas fáceis para raposas e outros predadores, além disso, são seres mais propensos ao câncer de pele e queimaduras solares.

Foto: MegaCurioso

Foto: MegaCurioso

7. Lagosta americana: pescadores encontraram uma lagosta com cores bem diferentes e divididas nitidamente. Geralmente, esses crustáceos possuem uma tonalidade marrom, e ficam alaranjados quando cozidos. Porém, uma lagosta encontrada nos Estados Unidos, possuía um lado marrom e outro alaranjado. Essas lagostas são bastante raras e os biólogos estimam que há uma a cada 50 milhões de animais da espécie.

Foto: MegaCurioso

Foto: MegaCurioso

8. Tigre com melanismo: esses animais não são inteiramente pretos, porém possui as listras afetadas. Elas são mais largas e, portanto, mais visíveis. Aparentemente, esses tigres não possuem desvantagem quando comparados aos tigres normais.

Foto: MegaCurioso

Foto: MegaCurioso

9. Veado branco: durante a Segunda Guerra Mundial, parte do depósito de Seneca, nos Estados Unidos, foi fechada com grades. Diversos veados brancos ficaram lá dentro e se desenvolveram ali, tornando-se a maior população de animais mutantes vivendo em um único habitat. Essa espécie corresponde a 25% dos 800 veados que há neste lugar, eles não formam uma espécie própria, mas são uma variação dos veados da região. Eles sofrem de leucismo, o que faz com que os pelos de seu corpo não tenham pigmentos, porém os olhos possuem cor castanha. Se eles fossem albinos, os olhos seriam vermelhos.

10. Elefantes albinos: possuem uma tonalidade cinza mais clara e em certos casos um pouco roseada. Em países como Myanmar e Tailândia, esses animais raros são considerados sagrados, e, portanto, são poupados de qualquer tipo de trabalho.

Fonte: MegaCurioso

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo