Gadoo - Notícias e Curiosidades

10 distúrbios mentais misteriosos

Compartilhe:

Sabemos que existem inúmeros tipos de distúrbios mentais e que muitas pessoas sofrem com eles atualmente.

O fato é que algumas síndromes são um tanto quanto estranhas, e poucas pessoas já ouviram falar nelas.

Pensando nisso, trazemos 10 distúrbios mentais misteriosos.

Dá só uma olhadinha:

1. Síndrome de Quasimodo: também conhecida como distúrbio dismórfico corporal, trata-se de um transtorno bastante perigoso que gera pensamentos obsessivos sobre uma imperfeição física exagerada ou mesmo imaginária. Quem sofre com o problema se olha no espelho constantemente, buscando um ângulo em que o defeito não fique visível; essas pessoas não gostam de serem fotografadas, com o objetivo de impedirem que saia na imagem aquilo que consideram uma desvantagem. Além disso, cuidam da aparência de forma exagerada, e sofrem com problemas no relacionamento por isso. Estes sujeitos também apresentam baixa autoestima e se sentem diferentes na sociedade, pois imaginam que as pessoas percebem a imperfeição e riem disso.

Distúrbios mentais misteriosos

Lista traz 10 distúrbios mentais misteriosos. Algumas síndromes são um tanto quanto estranhas e poucos já ouviram falar nelas. Foto: © PROSOPOPEYA PRODUCCIONES  

2. Erotomania: pessoas que sofrem com esse distúrbio têm certeza de que existe alguém que está apaixonado por elas, geralmente alguém com status, como famosos, por exemplo. Quem possui o problema acredita que os admiradores demonstram sua atitude através de sinais secretos, especiais, mensagens codificadas na mídia ou por telepatia. Existe uma dificuldade para tratar o transtorno já que mesmo que o “admirador” diga “não”, a pessoa que sofre com o problema acha que isso faz parte de uma estratégia secreta para ocultar o relacionamento da sociedade.

3. Ilusão de Capgras: o paciente que sofre com o distúrbio acredita que alguém perto dele ou ele mesmo foi substituídos por um sósia. Além disso, ele afirma que os comportamentos ruins atribuídos a ele foram realizados pelo sósia. Em geral, o problema é acompanhado de esquizofrenia.

4. Síndrome de Fregoli: nesse transtorno, a pessoa acredita que as outras pessoas são capazes de se disfarçarem, mudando a aparência, roupas ou gênero, para se passarem por outras pessoas com o intuito de persegui-la. A doença foi descrita pela primeira vez em 1927.

5. Síndrome de Adele: nessa síndrome, a pessoa experimenta um amor patológico. Recentemente, especialistas reconheceram o problema como um transtorno mental grave que pode ameaçar a vida e a saúde do paciente, comparando-o ao alcoolismo, à cleptomania e à jogos de azar. Os sintomas são parecidos com os de uma depressão profunda, no entanto, podem ser muito mais perigosos (autoengano, auto sacrifício voluntário, perseguição de uma pessoa, ações imprudentes, ignorar os conselhos de amigos ou outras pessoas próximas, e perda de interesse em outros tópicos e atividades).


PUBLICIDADE

6. Criptomnésia: trata-se uma espécie de comprometimento da memória em que o paciente não consegue se lembrar quando ocorreu um evento particular ou se era um sonho ou realidade. Em resumo, a fonte de informação é esquecida, e a pessoa não consegue determinar se a ideia é dele ou de outra pessoa. Em geral, esse problema vem acompanhado do fenômeno do “jamais vu”, oposto ao “déjà vu”, em que de repente aparece a sensação de que uma pessoa ou bem conhecido parece completamente incomum ou desconhecido, como se a pessoa estivesse vendo aquilo pela primeira vez.

Foto:

Foto: © Canal+  

7. Síndrome de Alice no País das Maravilhas: este distúrbio modifica a percepção da pessoa sobre os objetos circundantes e sobre o espaço, fazendo com que estes pareçam menores ou maiores, ou que estão mais distantes ou mais próximos do que realmente estão. Pode acontecer de o paciente perceber seu próprio corpo indevidamente, pois não consegue entender suas formas e dimensões. Nem os olhos e nem outros órgãos sensoriais dos pacientes estão danificados, as mudanças ocorrem apenas no estado mental.

Foto:

Foto: © Roth Films  

8. Transtorno obsessivo-compulsivo: essas pessoas sofrem com pensamentos ansiosos obsessivos dos quais não conseguem se livrar ou controlar. Ou pratica “rituais”, isto é, comportamentos especiais que os quais os portadores se sentem obrigados a realizar. O paciente consegue entender perfeitamente o absurdo de suas ações, no entanto, se não realizar tais atos, pode ter uma grande ansiedade.

Foto:

Foto: © Appian Way  

9. Parafrenia: o distúrbio é uma combinação de delírios paranoicos e ares de grandeza. Os pensamentos delirantes de quem sofre com o problema são frequentemente acompanhados por pseudoalucinações e “falsas lembranças”. Essas pessoas se consideram governantes do mundo, afirmam que escreveram livros de grandes escritores sob pseudônimos, se atribuem imortalidade, origem divina, entre outras coisas. Em geral, quem possui o diagnóstico se parece muito arrogante e misterioso.

10. Distúrbio de personalidade múltipla: também conhecido como distúrbio de identidade dissociativo, trata-se de um transtorno mental raro que divide a personalidade de uma pessoa. As personalidades podem ter diferentes idades, nacionalidades, gêneros, visões de mundo, temperamentos, habilidades mentais e até mesmo doenças. O transtorno tem como causa traumas emocionais severos ocorridos durante a infância. Para se proteger psicologicamente, a criança passa a notar o que está acontecendo com ela como se tal coisa estivesse ocorrendo com outra pessoa. O relato mais surpreendente de divisão de personalidade aconteceu nos Estados Unidos no final da década de 1970, quando Billy Milligan, um estuprador, foi preso. Foi possível verificar que haviam 24 pessoas “vivendo” em sua cabeça.

Fonte: Brightside

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo