Gadoo - Notícias e Curiosidades

16 histórias provando que o amor é muito melhor quando é intenso

Compartilhe:

O amor pode provocar uma série de mudanças na vida de uma pessoa e quando ele é intenso pode ser vivenciado com muito mais satisfação.

As histórias a seguir, por exemplo, mostram situações nas quais o amor foi tão forte, tão forte, que acabou deixando tudo com um gostinho especial.

Quer ver só?

Abaixo, confira 16 histórias provando que o amor é muito melhor quando é intenso:

16 histórias provando que o amor é muito melhor quando é intenso

Seleção traz 16 histórias provando que o amor é muito melhor quando é intenso. Histórias são belíssimas e pra lá de emocionantes

1. “Ontem a minha avó me ligou e disse que o vovô tinha saído e estava demorando muito para voltar. Ela me pediu que eu o procurasse. Eu disse que sim, claro. Desliguei e olhei para o meu avô, que estava sentado na minha sala, preparando um retrato de minha avó em uma tábua de madeira. Na quinta é o aniversário de casamento deles, e o que eu mais desejo é que, um dia, possa sentir por alguém o mesmo que eles sentem um pelo outro”.

2. “Lembro como decorávamos a árvore de Natal quando era pequeno: usávamos umas bolinhas antigas que não são vendidas mais hoje em dia. Entre elas havia uma esfera grande e azul com uma estrelas brilhantes. Fazíamos da situação uma grande cerimônia: abríamos a caixa, tirávamos a esfera e a colocávamos sob a luz de uma lâmpada para que as estrelas brilhassem no escuro. Sempre pendurávamos a esfera em primeiro lugar. A partir desse determinado momento, a sensação de festa começava. A esfera ainda existe, e só ela é capaz de nos encher da energia que só o Natal é capaz de criar”.

3. “Quando a minha mulher e eu brigamos, nossa filha se joga dramaticamente no chão e finge que quebrou uma perna ou um braço. Há pouco tempo, discutimos na cozinha. Nossa pequena estava dormindo na sala, mas, ao escutar nossas vozes alteradas, entrou na cozinha, pegou na minha mão e disse: “Tô com medo de dormir sozinha”. Deitamos em um sofá e dormimos. Ela não quer brigas em casa. Por ela — e por nós -, decidimos viver em paz”.

4. “Minha mãe e eu moramos na capital. Meu pai mora em outra cidade. Meus pais têm uma relação amigável e, às vezes, vem nos visitar. Adoro acordar quando ele está em casa. Pela manhã, ele vai até a padaria e prepara um café da manhã delicioso, Me sento ao lado dele, ele faz cafuné e eu entendo o que é felicidade”.

5. “Durante a noite, sentada na cozinha, eu decidi colorir uma imagem. A ideia ficou muito interessante. Para não me confundir, organizei os lápis de cor, colocando todos eles em uma ordem específica. Ocupei toda a mesa. Pela manhã, meu marido decidiu servir o café porque eu estava atrasada. Entrei na cozinha e vi que não havia nada sobre a mesa, tudo aquilo que eu havia arrumado com tanta paciência. Fiquei desanimada, até que entrei no quarto e vi todos os lápis. Meu marido colocou tudo na mesma ordem, arrumadinho”.

6. “Contei ao meu marido uma triste história sobre o Papai Noel: como meus pais me contaram que ele não existia e, por isso, não me dariam mais presentes de Natal. A garotinha que eu tenho dentro de mim ainda chora por isso. Pensei que meu marido iria me dizer que eu estava louca, mas, hoje, surpresa! Recebi uma carta do bom velhinho, perguntando o que eu queria para o próximo Natal. Embora saiba quem é o autor da carta, não consegui não me emocionar”.


PUBLICIDADE

7. “Estudo em uma cidade que fica a 150 km da cidade dos meus pais. Fiquei doente e com muita febre. Algum tempo depois, meu pai chegou com o seu carro para me levar da minha casa até a universidade. Ele viajou duas horas de ida e duas de volta para que eu não tivesse que ir de ônibus. Além disso, me trouxe uma sopa que minha mãe tinha preparado e um pote de doce de morango caseiro. Amor é isso”.

8. “Minha namorada e eu vivemos em cidades diferentes. Nos vemos apenas nos finais de semana, mas não em todos. Um dia, decidi que queria vê-la e resolvi fazer uma surpresa. Viajei até a sua cidade, comprei flores e bati na porta.

Ninguém abriu. Liguei para perguntar onde ela estava e recebi a melhor resposta:”Tô indo te ver”.

9. Estava dentro do metrô. O vagão estava cheio, como sempre. Uma garota pisou no meu pé, mas, ao invés de dizer alguma coisa, pegou na minha mão e sorriu. Acho que estou apaixonado”.

10. “Eu o vi pela primeira vez na rua, justamente quando bati no carro dele. No dia seguinte, em um hospital (ele estava saindo, eu entrando). Pensei que era o destino. Pesquisei quem ele era por meio de uma amiga. No final, descobri que estudamos na mesma escola e ele era dois anos mais velho que eu. Quando ele me disse que havia se fantasiado de astrônomo na festa do jardim de infância, não tive a menor dúvida de que ele era o meu destino, porque eu tinha me fantasiado de estrela”.

11. “Minha esposa me enviou essa mensagem: “Amor, pensei em uma salada incrível de manga, alho e repolho. Te espero em casa!”. Ela nunca faz isso. Então, algo me diz que em breve serei papai”.

12. “Minha tia ficou solteira até os 35 anos. Quando alguém perguntava quando iria se casar, ela respondia “Não encontrei a pessoa correta“. Um dia, ela estava em uma padaria com a minha avó e viu um homem passando ao lado da mesa. Minha tia soltou: ”É ele, posso sentir!”. Se aproximou. Eles estão juntos há 20 anos”.

13. “Meu marido e eu estamos juntos há dois anos. Ele demorou 20 anos para me conquistar. Estamos muito apaixonados, mas quase não temos tempo para ficarmos juntos porque nós dois trabalhamos muito. Eu trabalho os 5 dias da semana e ele faz turnos. Há pouco tempo, ele acordou atrasado um dia de domingo e decidiu ficar em casa. Que maravilhoso poder acordar nos braços da pessoa amada. É só isso que importa”.

14. “Sou uma mulher baixa, e meu marido, pelo contrário, é muito alto. Durante a noite ele me abraça e dorme. Fico com calor, não posso me mexer, mas não consigo me liberar. Se eu peço, ele me solta, mas pouco tempo depois ele volta a me abraçar. Essa útilima semana ele teve uma viagem de trabalho. Até que enfim estava livre para dormir como eu gosto. Será? Acabo de descobrir que só posso dormir abraçada por ele”.

15. “Meu namorado me pediu em casamento no primeiro dia em que nos conhecemos. Mas ele o fez de maneira um pouco séria. Sempre me senti muito bem ao lado dele. Como se todos os dias fossem um reencontro, uma nova descoberta sobre o amor. Ele me disse que, desde o primeiro momento que me viu, sabia que queria formar uma família comigo. Estamos juntos há 9 anos”.]

16. “Ela foi o meu primeiro amor. Nos amávamos muito e nos entendíamos sem palavras. Mas percebi que ainda era muito jovem para formar uma relação séria, e a troquei por festas e amigos. Hoje, tenho 27 anos e venho bebendo há 6, sem parar. Há pouco tempo, nos encontramos em um shopping. Ela está casada e tem um filho. Passamos 4 horas conversando sobre a vida e sobre o passado. Sobre o nosso passado. Ambos aceitamos que foi a melhor época de nossas vidas. Cheguei em casa e chorei. Quando nos apaixonamos, não devemos desistir. Quando a pessoa amada aparecer, lute por ela porque, se ela for embora, é pouco provável que volte”.

Fonte: Incrível

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo