Gadoo - Notícias e Curiosidades

3 mistérios da história que permanecem sem explicação até hoje

Compartilhe:

Apesar de muitos avanços e estudos sobre a humanidade e sua história, ainda existem alguns mistérios que permanecem sem explicação.

Alguns segredos da antiguidade ainda não foram decifrados apesar de terem sido investigados por vários pesquisadores.

Confira 3 mistérios da história que ainda permanecem sem explicação:

Mistérios da história que permanecem sem explicação até hoje

Apesar de muitos estudos sobre a humanidade e sua história, ainda existem alguns mistérios que permanecem sem explicação.

1. A aparência dos antigos egípcios: existem muitas coisas que sabemos sobre o Egito: cultura, obras, costumes, linguagem e nomes de múmias e deuses. Mas há uma coisa que ainda não temos certeza: como era a aparência física deles? Mesmo com vários estudos, ainda não se sabe a qual raça eles pertenciam. Algumas pessoas imaginam que eles eram descendentes do Oriente Médio, já que assim eram descritos nos filmes, no entanto essa aparência só faria sentido na época da conquista persa, que ocorreu milhares de anos após a existência das pessoas que construíram as pirâmides.

No ano de 1800, quando o mundo ocidental começou a conhecer melhor o Egito, os brancos ficaram encantados com as enormes construções e se tornaram racistas, pois acreditavam que eles eram arianos europeus, já que somente essas pessoas seriam capazes de construir pirâmides. Já outras pessoas imaginavam que eles eram negros, já que o país está localizado na África. Existem as pinturas egípcias que podem indicar alguma coisa, porém os pesquisadores afirmam que elas eram bem estilizadas: em muitas, os homens tinham pele avermelhada e as mulheres amarelada. Já os gregos se referiam a eles como pessoas “de pele escura” e “de cabelos encaracolados”, descrição bem próxima da região do norte da África.


PUBLICIDADE

Foto: MegaCurioso

Foto: MegaCurioso

2. As cabeças de pedra da civilização olmeca: as cabeças de pedra gigantes localizadas no México teriam sido criadas pela civilização olmeca, porém, mesmo os pesquisadores tendo a informação de quem às esculpiu, ainda não se sabe o que ou quem elas retratam. Até o momento foram desenterradas aproximadamente 17 delas, e são chamadas de cabeças colossais.

Elas foram criadas em grandes blocos de rochas basálticas e possuem data por volta de 900 a. C. As rochas são vulcânicas, e é um local que fica há aproximadamente 90 quilômetros do lugar onde o povo olmeca se estabeleceu. Sendo assim, eles precisaram de algum transporte para carregá-las já que elas pesam cerca de 20 toneladas cada, mas este é outro mistério, pois não se sabe como fizeram isto, já que esse povo nunca inventou a roda.

Foto: MegaCurioso

Foto: MegaCurioso

3. Não é possível decifrar uma das línguas mais importantes da História: os etruscos eram uma pequena civilização da moderna que habitava onde hoje é a região italiana da Toscana. Não há conhecimento sobre como e quando esse povo surgiu, mas acredita-se que foi entre 1.200 a 700 a. C. O alfabeto utilizado por eles era bem parecido com o grego, porém ainda não foi compreendido, e o maior problema é que hoje ninguém mais fala esta língua. Por isso não é possível decodificá-la já que não existe um tradutor de etrusco. O que se sabe é que quando o Império Romano surgiu, houve a dominação desse povo, e assim não houve a preservação da língua.

Foto: MegaCurioso

Foto: MegaCurioso

Fonte: MegaCurioso

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo