Gadoo - Notícias e Curiosidades

A história da mamãe gorila que adotou gatinhos

Compartilhe:

Agora você conhecerá a história de Koko, uma mamãe gorila que aprendeu a falar a língua de sinais em idade avançada e que adotou gatinhos, criando-os como se fossem bebês gorila.

Tudo começou no ano de 1971, quando a estudante graduada em psicologia pela Universidade de Stanford, Califórnia, EUA, Penny Patterson assumiu os cuidados da primata por 6 meses, devido a uma grave doença.

Depois de ajudar a recuperar o animal, Penny pediu permissão ao zoológico de San Francisco para continuar trabalhando com ele, como parte de sua pesquisa em psicologia.

Em 1985 a “National Geographic Magazine” publicou uma reportagem sobre o amor que Koko havia depositado sobre um gatinho. Ela não podia ter os próprios filhotes, mas estava disposta a amar seres de outra espécie.

A história da mamãe gorila que adotou gatinhos

Conheça a história de Koko, uma mamãe gorila que aprendeu a falar a língua de sinais e que adotou gatinhos, criando-os como se fossem bebês gorila. Foto: labioguia

A primata foi o primeiro gorila do mundo que utilizou a linguagem de sinais para se comunicar com seus cuidadores da Gorilla Foundation, na Califórnia.


PUBLICIDADE

Foto: labioguia

Foto: labioguia

Depois que seu primeiro gatinho escapou e morreu por atropelamento, ela expressou o desejo de ter outro através da linguagem.

A gorila aprendeu a usar cerca de 1.000 sinais da língua gestual e compreende cerca de 2.000 palavras em Inglês.

Foto: labioguia

Foto: labioguia

Foto: labioguia

Foto: labioguia

Foto: labioguia

Foto: labioguia

Foto: labioguia

Foto: labioguia

Foto: labioguia

Foto: labioguia

Fonte: Labioguia

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo