Gadoo - Notícias e Curiosidades

Um desses gêmeos passou um ano no espaço enquanto o outro ficou na Terra, e algo surpreendente aconteceu com o que viajou

Compartilhe:

Os irmãos gêmeos Scott e Mark Kelly são astronautas e se propuseram a participar de um experimento: Scott viajou para o espaço com outros astronautas e ficou 340 dias por lá, enquanto seu irmão ficou na Terra.

O projeto, da NASA, tinha o propósito de verificar os efeitos que as viagens espaciais de longa duração causam sobre o corpo humano, já que gêmeos idênticos possuem o mesmo material genético.

A experiência proporcionou aos cientistas uma enorme quantidade de dados médicos que ainda serão analisados. Porém, alguns resultados já foram divulgados e são bem curiosos.

Nas extremidades dos cromossomos humanos há telômetros, que são trechos de DNA. O tamanho deles diminui a cada duplicação de células, e após muitas cópias, eles ficam muito curtos, e a célula acaba não podendo mais se dividir, o que leva ao envelhecimento.

Os pesquisadores descobriram que os telômetros de Scott cresceram mais do que os do irmão dele, porém voltaram ao comprimento de pré-vôo após ele retornar à Terra.


PUBLICIDADE

Um desses gêmeos passou um ano no espaço enquanto o outro ficou na Terra, e algo surpreendente aconteceu com o que viajou

Uma experiência foi realizada com irmãos gêmeos e mostrou resultados surpreendentes.

Outro resultado surpreendente foi o de que durante o primeiro ano do astronauta no espaço, seu DNA se tornou um pouco diferente, mas também retornou ao nível anterior após certo tempo.

Os estudos ainda não foram concluídos, e ainda não é possível saber o que essas descobertas significam, mas a NASA tem planos de realizar novas pesquisas com outros astronautas.

Fonte: Brightside

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo