Gadoo - Notícias e Curiosidades

Adolescente sofre com condição rara que a deixa paralisada por quase um dia inteiro

Compartilhe:

Uma menina de 12 anos sofre com uma doença rara que a paralisa por horas. Uma das crises já chegou há durar 19 horas.

Sarah Firth, uma enfermeira de 39 anos, de Barnsley, South Yorkshire, Inglaterra, que é mãe solteira, fica junto da filha todo o tempo, sempre preocupada quando a menina sofre com os ataques da doença que a incapacita de mover um único osso de seu corpo.

Mia Park, de 12 anos, sofre de uma condição rara que afeta uma a cada 100.000 pessoas no mundo.

Ela só pode gritar por socorro e aguardar até que os remédios façam efeito e ajudem-na a recuperar os movimentos quando sofre os ataques.

Adolescente fica paralisada por quase um dia inteiro devido a condição rara

Mia Park, de 12 anos, sofre com a Paralisia Periódica Hipocalêmica, doença que a deixa inteiramente paralisada e afeta uma a cada 100.000 pessoas no mundo.

Mia tem Paralisia Periódica Hipocalêmica, o que significa que a jovem não pode mover seu corpo e tem que ser levada para o hospital quando sofre os ataques.

122


PUBLICIDADE

A primeira vez que Mia teve a crise da doença foi em janeiro deste ano, quando, ao acordar, não conseguia mexer um dos braços. Na ocasião a mãe achou que ela pudesse apenas ter dormido em cima do membro. Porém, mais tarde, o corpo do Mia estava todo paralisado.

1222

A condição extremamente rara e potencialmente fatal é causada por níveis perigosamente baixos de potássio, portanto, quando tem crises, ela precisa receber potássio por via intravenosa.

Ao longo da semana seguinte, Mia caiu em um estado de paralisia a cada dois dias, cada vez que dormia.

12222

É uma preocupação constante para ambas, pois os ataques podem ocorrer a qualquer momento.

A condição, causada por mutação do cromossoma 17, é muito mais comum em homens do que em mulheres.

Mia pode, ao menos, tomar uma dose de um xarope quando sentir seu corpo formigando. O medicamento não permite que ela chegue a ficar paralisada.

O episódio mais longo durou 19 horas e a mãe a alimentou, a lavou, entre outros cuidados necessários, como faz todas as vezes em que a filha sofre com os ataques.

Fonte: Daily Mail

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo