Gadoo - Notícias e Curiosidades

Cão quase é sacrificado por ter aparência considerada assustadora

Compartilhe:

Um cão quase foi sacrificado por funcionários de um órgão de controle animal que consideraram sua aparência como assustadora.

Loki, um Mastim napolitano de oito anos de idade e de 75 quilos, foi levado após seu proprietário, cuja identidade não foi divulgada, ter sido despejado do apartamento em que vivia em Nova York, EUA.

Devido à aparência do cão, os tratadores o atingiram com um dardo tranquilizante e o colocaram em uma lista de animais que seriam sacrificados no Manhattan Animal Care Centre.

Felizmente o dono de Loki tomou conhecimento do destino que o cachorro teria e contatou o Rescue Dog Rock NYC – uma instituição de caridade animal -, que interviu, salvando a vida do bicho.

Cão quase é sacrificado por ter aparência considerada assustadora

Loki, um cão da raça Mastim napolitano, quase foi sacrificado por funcionários do Manhattan Animal Care Centre, EUA, que consideraram sua aparência assustadora. Foto: Rescue Dogs Rock NYC / Facebook

Stacey Silverstein, membro da equipe que resgatou Loki, contou que inicialmente ficou intimidado pela aparência do cão, mas disse que depois percebeu se tratar de um ser amável.


PUBLICIDADE

Foto: Rescue Dogs Rock NYC / Facebook

Foto: Rescue Dogs Rock NYC / Facebook

O cão foi adotado pelo casal que aparece na foto.

Foto: Instagram

Foto: Instagram

Fonte: Metro

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo