Gadoo - Notícias e Curiosidades

Dentista é acusado de homicídio após paciente morrer enquanto ele arrancava 20 dentes da vítima

Compartilhe:

Um dentista foi acusado de causar a morte de um paciente após remover 20 dentes da vítima.

Rashmi Patel foi acusado de homicídio criminosamente negligente e adulteração de provas depois de se entregar, apesar de negar qualquer irregularidade.

O paciente, de 64 anos, Judith Gan, morreu no hospital no dia 17 de fevereiro do ano passado, depois de submetido a tratamento para remover os dentes e inserir implantes no consultório de Patel em Enfield, Connecticut (EUA).

Dentista arranca 20 dentes de paciente que acaba morrendo

Dentista Rashmi Patel foi acusado de homicídio criminosamente negligente e adulteração de provas depois de se entregar, apesar de negar qualquer irregularidade.

Agentes reguladores odontológicos concluíram que Patel não respondeu adequadamente quando os níveis de oxigênio do paciente caíram perigosamente.


PUBLICIDADE

A morte de Gan e outros incidentes levaram a Comissão Dental do Estado a suspender a licença de Patel em dezembro, durante uma revisão de sua prática.

Informações indicam que Patel também ignorou os avisos de seus auxiliares de consultório dentário, que diziam que Gan estava em perigo, e ele não deveria ter tentado realizar tantos procedimentos no paciente.

O paciente foi levado às pressas para um hospital, onde foi declarado morto.

Patel, que pagou mais de 70 mil reais de fiança, negou qualquer irregularidade no tratamento.

Fonte: Mirror

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo