Gadoo - Notícias e Curiosidades

Detento ganha 2,3 milhões de reais em indenização após sofrer ereção durante 6 dias como efeito colateral de antidepressivo recebido na prisão

Compartilhe:

Um ex-prisioneiro que sofreu com uma ereção que durou seis dias enquanto estava detido recebeu uma indenização milionária após ficar com disfunção erétil permanente.

Rodney Cotton, de 50 anos, de Brooklyn, EUA, foi medicado com Risperdal, um antidepressivo, enquanto estava preso na solitária do Complexo de Detenção de Manhattan, e teve uma dolorosa ereção, que durou seis dias, como efeito colateral.

Ao solicitar por ajuda médica, os guardas da prisão não levaram seu pedido a sério e o homem sofreu lesões em seu órgão genital como consequência do uso do medicamento, deixando-o com disfunção permanente.


PUBLICIDADE

Detento ganha 2,3 milhões de reais em indenização após sofrer ereção durante 6 dias como efeito colateral de antidepressivo

Rodney Cotton, de Brooklyn, Nova Iorque, EUA, ex-prisioneiro que teve disfunção erétil permanente após sofrer ereção de seis dias, ganhou do estado R$ 2,3 milhões.

Rodney entrou com uma ação na justiça e recebeu uma indenização de aproximadamente R$ 2.300.000.

2

Fonte: Mirror

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo