Gadoo - Notícias e Curiosidades

Dono de restaurante nega emprego para cozinheiro negro alegando que clientes não gostariam de comer alimentos preparados por ele

Compartilhe:

Um homem australiano, nascido no Brasil, chamado Nilson dos Santos, de 39 anos, afirma que foi negado uma oferta de emprego por um estabelecimento de café em Sydney, porque o proprietário, um homem de Xangai que se mudou para a Austrália um ano atrás, disse-lhe que seus clientes não queriam que seu café fosse feito por pessoas negras.

O dono da Forbes & Burton Café, em Darlinghurst, Sydney, identificado no relatório apenas como Steven, admitiu a um jornal na Austrália, que o homem foi recusado por causa da cor de sua pele.

“Eu não tenho discriminação racial. E eu sinto muito, mas eu estava apenas sendo honesto, pois em minha opinião, eu tenho que contratar pessoas locais,” disse Steven

“Precisamos oferecer um bom serviço a este estabelecimento e acho que a cultura do café é mais para os brancos.” Completou.

Dono de restaurante nega emprego para cozinheiro negro

Proprietário chamado Steven negou uma oferta de emprego a brasileiro Nilson dos Santos, devido ao fato dele ser negro, alegando que clientes não gostariam de comer seus pratos.

Depois de ter sido negado o trabalho, Nilson teria se levantando e dito a clientes que estavam no café o que aconteceu, perguntando se eles tinham algum problema em serem servidos por um homem negro. Em resposta, vários clientes saíram do local.


PUBLICIDADE

22

Nilson, que recentemente se tornou um cidadão australiano, disse que ele tinha experiência de trabalhar em bares de Sydney há nove anos.

O homem afirma que marcou a entrevista para o domingo, e o dono do café ficou surpreso quando descobriu que ele era negro, alegando que seus clientes eram brancos e a cultura do café e o estabelecimento não combinava com um serviço feito por um africano.

Uma vez que a história veio à tona, centenas de usuários furiosos da internet invadiram a página do café no Facebook, para expressar a revolta com o caso. Muitos prometeram boicotar o lugar e outros optaram por lançar comentários depreciativos para Steven.

Moradores locais que disseram que o local tinha sido vandalizado após a notícia, ficando coberto de farinha.

O local e o dono serão investigados pela justiça.

Fonte: Shanghaiist

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo