Gadoo - Notícias e Curiosidades

Empresa cria multa de quase 500 reais para funcionárias que engravidarem sem a permissão da companhia

Compartilhe:

Uma empresa de Henan, na China, estipulou uma multa no valor de R$ 490 aproximadamente para as mulheres que ficarem grávidas fora do período especificado pela companhia.

A cooperativa de crédito, localizada no distrito de Shanyang, da província de Henan, emitiu recentemente um aviso detalhando os novos “acordos” para as funcionárias que estão casadas há mais de um ano.

O anúncio especifica que os departamentos dariam prazos para as funcionárias se quisessem engravidar. As que o fizessem fora do cronograma teriam que pagar a multa, além de perderem benefícios de promoção dentro da empresa.


PUBLICIDADE

Empresa cria multa de quase 500 reais para funcionárias que engravidarem sem a permissão

Empresa de Henan, na China, estipulou uma multa no valor de R$ 490 aproximadamente para as mulheres que ficarem grávidas fora do período especificado pela companhia.

Uma funcionária disse a jornalistas que os empregados não tinham escolha senão seguir o aviso de planejamento familiar, porque era mais fácil isso do que encontrar um novo emprego.

Um representante da companhia explicou que recentemente recrutou mulheres formadas em idade adequada para se tornarem mães. Eles emitiram o aviso para evitar que as funcionárias engravidem e ganhem o direito à licença maternidade todas ao mesmo tempo.

Eles disseram que estavam apenas realizando um teste e até se comprometeriam a remover o aviso caso houvesse protesto.

Fonte: Shanghaiist

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo