Gadoo - Notícias e Curiosidades

Execução dá errado e condenado à morte agoniza por quase duas horas após receber injeção letal

Compartilhe:

Um condenado à morte sofreu por quase duas horas após receber injeção letal em uma execução. O caso ocorreu na última quarta-feira (23) no Arizona, EUA.

Joseph Wood, de 55 anos, foi condenado por matar sua ex-namorada e o pai da mulher, em 1989. Ele foi declarado morto às 15h49 do horário de Brasília, quase duas horas depois de receber a injeção letal, às 13h52.

A execução foi bastante longa, visto que normalmente os condenados morrem em cerca de dez minutos após efetuado o procedimento. O caso surgiu em meio a uma polêmica sobre a eficácia e origem dos produtos usados nas execuções.


PUBLICIDADE

Joseph Wood

Joseph Wood foi executado e agonizou por quase duas horas após receber injeção letal.

O advogado de Wood, Dale Baich, comentou o caso: “Levou duas horas para que ele morresse, e ele lutou para respirar por cerca de uma hora e quarenta minutos”. Segundo o homem, seu cliente recebeu uma mistura de duas drogas: midazolam combinada com hidromorfona, derivado da morfina. O coquetel acabou falhando.

Fonte: The Guardian

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo