Gadoo - Notícias e Curiosidades

Família inteira nascida com rara condição de excesso de pelos sofre preconceito e assédio moral

Compartilhe:

Um homem que assim como sua família possui excesso de pelos faciais e corporais, sofreu assédio moral durante anos de sua vida devido à sua aparência incomum.

Jesús “Chuy” Aceves, do México, possui mais de 60.000 pelos em seu rosto e também uma quantidade anormal deles em seu corpo. Por isso ele ficou conhecido como “Homem Lobo”.

Como ele e 12 membros de sua família nasceram com a condição extremamente rara, chamada hipertricose congênita, eles sofreram discriminação e assédio moral durante anos.

A história dele foi contada em um documentário do Canal 5 (Channel Five), onde se disse que Jesús foi rejeitado por sua comunidade local e trabalhou em um recinto de feiras durante 12 anos.

Família inteira nascida com excesso de pelos sofre preconceito e assédio moral

Jesús “Chuy” Aceves, do México, sofreu assédio moral durante anos de sua vida devido à condição extremamente rara que o faz ter quantidade anormal de pelos.

O mexicano, junto de dois primos, começou a trabalhar em um circo aos 13 anos de idade e viajou o mundo com o “Circo dos Horrores”.


PUBLICIDADE

151

Atualmente Jesús tem três filhas, todas com a condição.

152

155

154

153

Fonte: Mirror

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo