Gadoo - Notícias e Curiosidades

Garota que teve 96% do corpo queimado desafia a morte e sobrevive após mais de 200 operações

Compartilhe:

Uma adolescente superou as expectativas de sobrevivência após ter 96% do corpo queimado. A jovem passou por mais de 200 operações, e encontra-se cada vez melhor de saúde.

Catrin Pugh, agora com 20 anos, passou três meses em coma depois de ter sido retirada de destroços de um ônibus que bateu em um penhasco nos Alpes franceses, em abril de 2013. Somente as solas dos pés e partes do couro cabeludo não foram atingidos pelas chamas.

Moradora de Wrexham, ao norte do País de Gales, ela ficou confinada a uma máquina de suporte de vida durante 90 dias. Médicos disseram que suas chances de sobrevivência eram de uma em mil.

A jovem contou que, ao acordar do coma, não sabia onde estava e o que tinha acontecido. “No início eu pensei que nunca ia melhorar e que não haveria futuro para mim. Mas eu acredito que quando há grandes obstáculos em nossa vida, é preciso lembrar que existe um lado positivo ao final de tudo”, concluiu.


PUBLICIDADE

Catrin Pugh

Catrin Pugh teve 96% do corpo queimado e superou as expectativas de sobrevivência.

Ainda no hospital, Catrin disse que espera se tornar professora. Os funcionários do local ficaram encantados com a jovem, e a apelidaram de a garota com o sorriso de “um milhão de libras”.

Seu tratamento até agora custou mais de R$ 3 milhões. Ela foi submetida a enxertos de pele de sua mãe e irmão, e teve mais pele crescendo artificialmente em laboratório.

“Pensei que nunca iria ficar melhor e não havia futuro para mim, mas eu tive apoio fantástico dos meus amigos e familiares, e os funcionários do hospital têm sido surpreendentes”, concluiu.

10

Fonte: Daily Mail

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo