Gadoo - Notícias e Curiosidades

Homem é preso depois de cortar mão de enteado com cutelo de carne e jogá-la em panela com água fervente

Compartilhe:

Um chinês foi preso por 11 anos após cortar a mão de seu enteado de 9 anos de idade com um cutelo de carne, e fervê-la de modo que seria impossível para os cirurgiões recolocá-la.

Wang Xinyu, de 31 anos, conheceu a mãe do garoto, Xiao Shen, pouco mais de um ano atrás e os dois estavam analisando uma compra de um apartamento juntos em Shenyang – uma cidade na província de Liaoning, leste da China.

Mas depois que o casal teve uma discussão sobre o dinheiro, Wang perdeu a paciência e começou a bater em Xiao Jun com um pau antes de cortar sua mão com um cutelo de carne, a jogando em uma panela de água fervente que estava sendo usada para cozinhar sua refeição durante a noite.

Nos dias que antecederam o ataque, Wang e Jun mudaram-se para Shenyang para ficar em um apartamento alugado, enquanto a mãe do garoto ficou com parentes, na esperança de tomar emprestado o resto do dinheiro que o casal precisava para comprar um apartamento.

Homem é preso após cortar a mão de enteado

Wang Xinyu, de 31 anos, cortou mão de enteado com cutelo de carne e a jogou em água fervente, o que impossibilitou de ser recolocada.

Mas quando ela ligou para dizer que o processo do empréstimo estava levando mais tempo do que o esperado, ele furioso desligou o telefone, pegou um pedaço de pau e começou a bater no menino.

99999


PUBLICIDADE

Wang então pegou um cutelo de cozinha e cortou a mão da criança antes de jogá-la em uma panela de água que tinha sido aquecida para cozinhar a sua refeição da noite.

11 Years For Step Dad That Hacked Off Arm Of Boy Aged 9

Outro morador no bloco de apartamento alugado disse: “Eu ouvi o menino dizer ‘Pai, por favor, não, pai, por favor não.”

O padrasto, em seguida, chamou a polícia para confessar o que tinha feito e levou o menino e a mão cozido ao hospital, onde os médicos disseram que ela já havia inchado e não era mais útil.

Wang perdeu o emprego como motorista de guindaste como resultado do crime – o que significa que o menino agora com deficiência e sua mãe já não contam com a renda dele.

99

Xiao Shen, que perdoou Wang após o ataque contra seu filho, deu à luz seus gêmeos.

999

O advogado do padrasto argumentou que Wang agiu “de impulso” e pediu uma pena branda. O tribunal lhe deu apenas 11 anos de prisão depois de notar sua contribuição sobre as investigações e principalmente ver que a família da criança lhe perdoou.

9999

 

Fonte: Daily Mail

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo