Gadoo - Notícias e Curiosidades

Homem fica com cabeça deformada e graves sequelas após levar soco

Compartilhe:

Dad Wayne Urwin, de 36 anos, estava em uma noite tranquila com os amigos, quando foi atacado por Aaron Robson. As lesões foram tão graves que ele sofreu hemorragia no cérebro e teve que ser colocado em coma induzido após uma cirurgia de emergência para remover parte de seu crânio. Tudo isso depois dele levar um soco.

Sua família, arrasada, foi orientada a esperar o pior, uma vez que foi considerado praticamente improvável que o homem sobrevivesse aos danos catastróficos em seu cérebro.

Mas Dad desafiou as probabilidades e chocou os médicos quando saiu do coma e começou uma recuperação milagrosa.

Homem fica com cabeça deformada após levar soco

Dad Wayne Urwin teve sua vida arruinada após levar soco de Aaron Robson, do lado de fora de um bar na Inglaterra.

O rapaz, que trabalha como Dj nas horas vagas na Rádio Northumberland, passou mais de um mês no hospital até que foi autorizado a ir para casa.

11

Mas apesar da recuperação, o ataque tem arruinado sua vida como gerente de armazém, já que ele não pode mais trabalhar, perdeu sua licença para dirigir, tem problemas de audição, não pode mais montar em sua amada bicicleta e raramente consegue ver seus dois filhos, Marley, de sete anos, e Geórgia, de quatro.

Sua memória foi gravemente afetada, ele sofre convulsões e ataques e ainda está à espera de uma nova cirurgia para ter uma placa de metal colocada em sua cabeça na tentativa de cobrir a área onde o crânio foi retirado.

Hoje, Dad Wayne, que estava vivendo em Cramlington, está morando com sua mãe em Sunniside, Gateshead, e falou de sua luta para reconstruir sua vida.


PUBLICIDADE

1111

Ele disse: “Eu não me lembro de nada sobre a noite. Lembro-me de descer do trem e encontrar os meus amigos em um bar. Eu não me lembro de nada depois disso. Tinha alguém discutindo com Aaron fora do pub, mas, em seguida, desapareceu, e ele, aparentemente, me deu um soco e eu caí no chão. Ele fugiu e pessoas do local me ajudaram.”

11111

Wayne trabalhava em tempo integral como gerente de armazém e passava o tempo livre como DJ voluntariado na Rádio Northumberland. Algumas vezes ele organizava provas de ciclismo para instituições de caridade sem-teto. “Minha vida mudou completamente agora”, disse Wayne.

Wayne tem acompanhamento de um psiquiatra e frequenta grupos de apoio para pessoas com lesões na cabeça. Agora ele terá que voltar para a UTI para fazer uma nova cirurgia de inserção da placa de metal.

Aaron Robson, de 20 anos, de Cramlington, foi quem atacou Wayne fora do pub em Morpeth, no dia 30 de março.

Na semana passada ele se declarou culpado de lesão corporal grave, sem intenção de matar. O caso foi adiado para sentença.

Wayne disse: “Estranhamente, eu nunca tive qualquer problema com Aaron. Ele tem seus problemas e eu preciso manter o pensamento positivo e me concentrar na minha saúde e recuperação. Eu quero ver a justiça ser feita e acho que ele deveria ir para a prisão por pelo menos dois anos. Perdi pelo menos dois anos da minha vida assim, gostaria de vê-lo perder dois anos da sua também.”

Fonte: Mirror

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo