Gadoo - Notícias e Curiosidades

Homem gera revolta na China ao ameaçar matar cães caso as pessoas não os comprassem

Compartilhe:

Um festival chinês atrai diversas pessoas por conta de sua peculiaridade. Trata-se do Yulin Dog Meat Festival, realizado em Guangxi, o qual vende carnes de cachorro aos consumidores.

O evento tem gerado discussão este ano, com a ameaça de grupos de intervir na realização do mesmo. Os protestos contra o festival, porém, não foram suficientes para alarmar um vendedor local.

Um homem aproveitou a polêmica sobre o evento para extorquir pessoas de bom coração. Ele ameaça matar cruelmente os animais caso não sejam comprados vivos pelos consumidores. Para aproveitar ainda mais a situação, ele pede preços abusivos em cada animal.

Uma multidão se reuniu em torno de envolvido, o qual balançava cães de pequeno porte presos pelo pescoço e gritava: “Se você não compra-lo, vou esmaga-lo até a morte”.

Sacrificando cachorro

Homem causa polêmica ao ameaçar matar cachorros cruelmente caso pessoas não os comprassem em evento chinês.

O comerciante levantava um maço de dinheiro todas as vezes que vendia um animal. Mulheres foram vistas implorando pelas vidas dos animais indefesos.


PUBLICIDADE

O caso acabou surgindo na web, e diversos internautas lamentaram o ocorrido. “Cada país tem arruaceiros, mas não há como negar que a China tem mais…”, escreveu um usuário do país. “Eu gostaria que houvessem mais pessoas boas em nosso país”, escreveu outro.

3

4

5

6

Fonte: Shangaiist

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo