Gadoo - Notícias e Curiosidades

Homem mata a própria mãe dois dias após terminar pena de prisão de 30 anos

Compartilhe:

Steven Pratt, de 45 anos, atacou e matou sua mãe dois dias depois de sair de uma pena de prisão de 30 anos, após ter matar um vizinho a tiros.

O assassino teria espancado a própria mãe até a morte apenas dois dias depois de ter sido liberado da detenção.

A polícia acredita que Steven matou Gwendolyn Pratt, de 64 anos, durante uma discussão em sua casa em Atlantic City, nos EUA.

Os policiais encontraram Gwendolyn morta com ferimentos na cabeça.

Homem mata a própria mãe dois dias após terminar pena de prisão

Steven Pratt matou a própria mãe dois dias após terminar pena de prisão de 30 anos. Discussão motivou assassinato.

Steven havia sido libertado da prisão na sexta-feira, e sua família tinha dado uma festa de boas-vindas de volta para comemorar o fim da prisão – o adolescente matou seu vizinho, Michael Anderson, em 1984, depois de uma briga.


PUBLICIDADE

Ele foi condenado por homicídio, dois anos depois, e pegou 30 anos de prisão.

Agora uma autópsia descobriu que a mãe morreu em decorrência de um trauma severo na cabeça.

Antes do ataque, um vizinho disse que ouviu Steven ao telefone pedindo para ficar com um primo, na sequência de uma discussão.

Ele foi acusado de assassinato e está com a fiança fixada em mais de 2 milhões e 300 mil reais.

Fonte: Mirror

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo