Gadoo - Notícias e Curiosidades

Homem morre após ficar 5 dias com vibrador preso no corpo e não procurar ajuda por vergonha

Compartilhe:

Nigel Willis, de 50 anos, morreu após um vibrador que ele havia usado ter ficado alojado em seu corpo. O homem sentiu vergonha de procurar um médico para pedir ajuda, de acordo com um inquérito.

Nigel introduziu o objeto e não conseguiu retirá-lo, passando cinco dias deitado no sofá da casa que dividia com sua mãe idosa, em Forest Hill, sudeste de Londres.

O homem ficou tonto, fraco e incapaz de se mover, de acordo com o tribunal. Ele foi levado para o Hospital Lewisham depois que um amigo lhe ofereceu ajuda.

Nigel foi internado em terapia intensiva na véspera do Ano Novo, depois de sofrer choque séptico.

Homem morre após ficar 5 dias com vibrador preso no corpo

Nigel Willis morreu depois de vibrador que ele colocou em seu corpo ficar agarrado dentro dele por 5 dias. Ele não pediu ajudar por vergonha.

Cirurgiões conseguiram remover o vibrador, que se alojou de forma tão profunda no reto que acabou perfurando seu intestino.


PUBLICIDADE

Nigel era diabético, solteiro e desempregado.

99

“A história que nos chegou era de que seu amigo ou cuidador, chamou uma ambulância, porque o paciente se queixou de tonturas, fraqueza e foi incapaz de mover-se do sofá por cinco dias.” Disse um membro do hospital.

Em um comunicado lido no inquérito, foi dito que Nigel tinha sido incapaz de retirar o vibrador que ele havia inserido em seu reto dias antes de sua entrada no hospital.

Ele morreu às 7h, no dia 7 de fevereiro deste ano. A autópsia conduzida pelo Doutor Peter Jerreat determinou a causa da morte como falência de múltiplos órgãos, septicemia e um intestino perfurado.

Se Nigel procurasse os médicos assim que o incidente aconteceu, o final poderia ter sido diferente.

Fonte: Daily Mail e Mirror

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo