Gadoo - Notícias e Curiosidades

Idoso indiano é espancado e morto após alegações de que ele comeu carne

Compartilhe:

Um homem foi espancado até a morte com tijolos por uma multidão nos arredores de Delhi, na Índia, porque ele havia comido carne.

Um anúncio foi feito em um templo na segunda-feira (28) indicando que um bezerro havia sido abatido e seu corpo tinha sido encontrado perto de um transformador.

A morte desses animais é historicamente um tabu na Índia, porque eles são considerados sagrados no hinduísmo, religião dominante no país. Em alguns estados, como Uttar Pradesh, onde o suposto incidente ocorreu, matar vacas é ilegal.

Após o anúncio sobre a morte de o bezerro ter sido feito, uma multidão furiosa partiu em busca das duas famílias mulçumanas que viviam na região, e supostamente tinham ligação com o caso.

Idoso indiano é espancado e morto após alegações de que ele comeu carne

Homem chamado Mohammad Ikhlaq, de 70 anos, foi espancado até a morte com tijolos por uma multidão nos arredores de Delhi, na Índia, porque ele havia comido carne.

Uma das famílias não estava em casa, e assim a multidão foi até a casa de Mohammad Ikhlaq, destruindo a residência e atacando o homem de 70 anos, sua esposa e seu filho de 22.


PUBLICIDADE

21

Os homens da família foram arrastados para fora da casa, onde tijolos foram jogados sobre eles. Quando a polícia chegou, a multidão ainda os atacava. Seis homens, que estavam todos bêbados, foram presos.

Mohammad Ikhlaq foi morto e seu filho está em estado crítico.

22

A polícia apreendeu a suposta carne aparentemente encontrada no refrigerador da família e a enviou para testes. Mais tarde descobriram que o matéria não era carne, e uma compensação foi paga à família de Ikhlaq.

Fonte: Metro

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo