Gadoo - Notícias e Curiosidades

Imagens comoventes mostram animais tristes vivendo em zoológico abandonado que não recebe uma visita sequer há mais de dois anos

Compartilhe:

Imagens comoventes flagraram animais tristes vivendo em um zoológico localizado na cidade de Gyumri, Armênia, que não recebe visita alguma há mais de dois anos.

Nas imagens podemos notar um urso e um leão reclusos. Além deles há outros dois leões, outro urso e dois porquinhos-da-índia.

Lá vivem, por exemplo, a leoa Mary, de 7 anos, e seus filhotes, Geeta, de 4, e Zita, de 2, e os ursos Masha, de 4, e Grisha, de 9.

Além de provavelmente ser o zoológico mais triste do mundo, o local também deve ser o menor. As pobres criaturas vivem seus dias passando fome.

Elas foram compradas por um bilionário armênio como forma de entretenimento e também para desfilarem diante dos amigos do ricaço em festas com temas de selva, mas assim como o proprietário, o dinheiro para tratar dos bichos também desapareceu.

Imagens comoventes mostram animais tristes vivendo em zoológico abandonado

Imagens chocantes flagraram animais tristes vivendo em um zoológico abandonado localizado em Gyumri, Armênia, e que não recebe visita alguma há mais de dois anos. Foto: Roger Alan/North Downs Picture Agency

Agora os animais são alimentados com restos orgânicos oriundos de uma mata e de matadouros, levados a eles por um casal de idosos, Hovhamnes e Alvina Madoyan, que tentam mantê-los vivos.

Foto: Roger Alan/North Downs Picture Agency

Foto: Roger Alan/North Downs Picture Agency

Hovhamnes, que estava desempregado, contou que ele e a esposa andavam pelo jardim zoológico deserto quando ouviram o som terrível emitido pelos animais e encontraram os leões espumando pela boca. “Minha esposa e eu não pudemos suportar ver as criaturas de Deus na dor”, lembrou.


PUBLICIDADE

Foto: Roger Alan/North Downs Picture Agency

Foto: Roger Alan/North Downs Picture Agency

A partir daí eles começaram a tratar dos animais. “Eu levanto todas as manhãs e vou para a mata para encontrar alimento para os ursos, mas nunca é suficiente”, acrescentou Alvina.

Foto: Roger Alan/North Downs Picture Agency

Foto: Roger Alan/North Downs Picture Agency

Algumas vezes um veterinário aparece para examinar os animais de fora das gaiolas, mas não se tem dinheiro para pagar por um exame adequado.

O sofrimento das criaturas do jardim zoológico armênios foi retomado por pessoas que se baseiam no grupo de bem-estar animal “International Animal Rescue”.

Foto: Roger Alan/North Downs Picture Agency

Foto: Roger Alan/North Downs Picture Agency

Elas estão tentando transferir os bichos para um lugar melhor, pois estão preocupadas que um inverno rigoroso possa ser mortal para os filhotes do leão.

As autoridades civis se recusam a assumir qualquer responsabilidade sobre os animais.

Fonte: Mirror

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo