Gadoo - Notícias e Curiosidades

Irã proíbe corte de cabelo espetado alegando que estilo implica em adoração ao diabo

Compartilhe:

O Irã tornou ilegal o uso de corte de cabelo espetado porque ele implica em “adoração ao diabo”.

Os cabelos espetados foram considerados ilegais no país, por implicarem na “adoração ao diabo”, segundo órgãos responsáveis.

Esses tipos de visuais, menos comuns, tornaram-se moda entre os jovens iranianos, mas já não podem ser usuais no país, porque foram proibidos sob a justificativa de “violar os regulamentos do sistema islâmico”.

O chefe da União dos Barbeiros do Irã, Mostafa Govahi, disse que “penteados de adoração do diabo estão proibidos” e advertiu que “qualquer loja que corte o cabelo no estilo de adoração diabo” terá sua licença revogada.


PUBLICIDADE

Irã proíbe corte de cabelo espetado

União dos Barbeiros do Irã proibiu corte de cabelo espetado por implicar em adoração ao diabo, segundo regulamento do sistema islâmico.

155

1555

Fonte: Mirror

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo