Gadoo - Notícias e Curiosidades

Jovem pega prisão perpétua após matar a própria mãe e ter relação íntima com o corpo

Compartilhe:

Um jovem que pensava em cometer suicídio acabou matando a própria mãe antes de ter relação íntima com o corpo da vítima.

Kevin Davis, de 17 anos, morava com a mãe Kimberly Hill, de 50, em Corpus Christi, no Texas. A mãe dedicava a vida cuidando de outras pessoas em um hospício e ficou chocada quando o filho lhe disse que estava entediado com a vida e queria morrer.

Em 27 de março de 2014 Kevin disse à mãe que estava “cansado da vida e odiava as outras pessoas”. Kimberly, apesar de chocada e arrasada com a notícia, tentou conversar com o filho sobre o problema.

Durante a conversa, o filho acabou a atacando, tentando estrangulá-la e, em seguida, utilizou um martelo para bater em sua cabeça por cerca de 20 vezes, até matá-la.

Jovem pega prisão perpétua após matar a própria mãe e abusar intimamente do corpo

Kevin Davis, que pensava em morrer, acabou matando a própria mãe durante uma conversa sobre o assunto e teve relação íntima com o corpo. Jovem pegou prisão perpétua.

Após o assassinato brutal, o adolescente ainda despiu e abusou intimamente do corpo da própria mãe, deixando um rastro de sangue pela casa além de escrever uma mensagem pedindo desculpas pelo acontecimento.

11


PUBLICIDADE

Kevin, em seguida, tentou deixar a cidade usando sua bicicleta, passando por um trecho de trilhos de trem. Depois de algum tempo, ao chegar até uma cidade vizinha, ele caminhou até a propriedade de um casal, onde calmamente pediu para usar o telefone para ligar para a polícia, pois tinha cometido um assassinato.

O jovem efetuou a ligação contando aos oficiais sobre o incidente e o endereço onde sua mãe estava morta. A polícia rapidamente correu para o local, onde encontrou o corpo nu, da cintura para baixo, já sem vida. Kevin foi preso posteriormente e levado para um interrogatório.

Na delegacia, ele confessou tudo e disse que, embora amasse a mãe, não tinha nenhum arrependimento.

Kevin admitiu ter usado o martelo para matar a mãe, e quando perguntando o que tinha acontecido em seguida, ele disse que tinha tido relações íntimas com o corpo. “Acho que eu perdi minha virgindade com um cadáver”, disse ele.

O jovem afirmou que após a morte da mãe chegou a ficar esperando sua irmã voltar para casa, pensando em também matá-la, mas acabou mudando de ideia.

Quando a polícia lhe perguntou, como deveria ser punido pela morte da mãe, ele respondeu dizendo que merecia 100 anos de prisão, porque sabia exatamente o que estava fazendo.

Assustadoramente, o jovem frio e cruel afirmou que a mataria novamente, alegando que estava com consciência e não possuía problemas mentais.

Kevin, agora com 18 anos, recebeu a pena máxima, enfrentando a prisão perpétua.

Fonte: Mirror

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo