Gadoo - Notícias e Curiosidades

Mãe chora depois de perder filho de 9 anos que acidentalmente deu um tiro no próprio rosto quando saiu para caçar

Compartilhe:

Os pais de um garoto de 9 anos de idade contaram sobre o momento chocante causado pelo filho. Eles perceberam a ausência do menino que, acidentalmente, deu um tiro na própria cabeça quando usava uma arma.

Um novo documentário televisivo, chamado “Crianças e Armas”, destaca algumas das mais impactantes histórias envolvendo menores com revólver.

Ainda criança, Hank  já havia disparado sua arma contra 14 veados e centenas de esquilos. Depois de sair sozinho para atirar dentro de um acampamento, o pequeno nunca mais voltou.

Mãe chora depois de perder filho que deu um tiro no próprio rosto

Documentário descreveu morte de criança de 9 anos que amava atirar, e saiu para caçar veados em acampamento, para nunca mais voltar.

O pai de Hank, Brad, disse: “Eu não conseguia parar de procurar por ele. Reuni todos durante a manhã, nos organizamos e não demorou muito para que o encontrássemos.”


PUBLICIDADE

22

A mãe, Kelli, revelou que ficou feliz quando recebeu a notícia de que tinham encontrado o garoto. Mas depois de saber o que tinha acontecido, ela se sentiu arrependida de ter comprado a arma e dado ao filho.

Hank foi encontrado depois de uma busca da polícia junto de uma equipe em um helicóptero e com a ajuda da comunidade local. O corpo foi descoberto a 200 metros do acampamento.

Kelli e Brad acreditam que a arma estava com defeito e que a função de segurança não funcionou quando ele disparou acidentalmente.

O programa conta a história também após sua morte. Surpreendentemente, tatno Kelli quanto Brad não acreditam que um controle de armas mais rigoroso para as crianças seja necessário.

Fonte: Mirror

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo