Gadoo - Notícias e Curiosidades

Mãe é presa depois de a polícia encontrar bebê abandonado em lago no Reino Unido

Compartilhe:

A mãe de um bebê foi presa por 27 anos após o corpo da criança ser encontrado enrolado em um cobertor dentro de um saco flutuando em uma lagoa.

A polícia exumou o corpo do bebê em seu túmulo em Norfolk, no Reino Unido, depois que o caso foi para revisão periódica. Uma amostra de DNA, eventualmente, levou-os à sua mãe.

A mulher, que não foi identificada, foi presa por suspeita de infanticídio, mas a acusação foi abandonada depois que ela explicou como o bebê havia nascido morto e que ela escondera a gravidez de sua família e amigos.

Mãe é presa depois de a polícia encontrar bebê abandonado em lago

Mulher que não teve sua identidade divulgada foi presa depois que a polícia descobriu que ela abandonou o corpo de seu filho em uma lagoa no Reino Unido.

Ela explicou como colocou seu bebê morto na lagoa conhecida como Windmill Pit, na aldeia de Weasenham, em St. Peter, no Reino Unido, poucos dias antes de ser encontrado por adolescentes em uma tarde de domingo.


PUBLICIDADE

155

A polícia descartou a possibilidade de que ela esteja mentindo e a mulher permanece em liberdade sob fiança enquanto os órgãos competentes decidem sobre o que ela será acusada.

Quando o crime aconteceu, os moradores se juntaram para custear o velório na igreja local.

1555

O menino seria enterrado sem nome, mas lhe foi dado o nome de Peter, em homenagem à igreja.

Andy Guy, da Polícia Norfolk, liderou a investigação e disse que o DNA do menino foi comparado com cinco milhões de amostras no banco de dados nacional e que, assim, foram capazes de encontrar a responsável pela morte do bebê.

Andy disse que ‘do ponto de vista de um policial, é fantástico’ resolver um crime depois de tanto tempo.

Fonte: Daily Mail

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo