Gadoo - Notícias e Curiosidades

Médico é condenado após errar e deixar paciente com câncer ao remover rim saudável durante operação

Compartilhe:

Um cirurgião que acidentalmente removeu o rim errado de um prisioneiro que sofre de câncer, está sendo julgado.

Dr. Charles Coonan Streit foi colocado em liberdade condicional médica após o erro que aconteceu no Centro Médico St. Jude, na Califórnia, Estados Unidos, no ano de 2012.

Ele tinha deixado um detento de 59 anos de idade com um rim canceroso depois de remover o seu órgão saudável.

Dr Streit, um experiente médico de 41 anos, foi incapaz de acessar os registros médicos do condenado, porque eles tinham sido deixados em um escritório antes da cirurgia.


PUBLICIDADE

Médico é condenado após errar e deixar paciente com câncer ao remover rim saudável

Médico Dr. Charles Coonan Streit está sendo julgado depois de remover rim errado de paciente prisioneiro, o deixando com órgão tomado pelo câncer ao tirar outro saudável por acidente.

O prisioneiro posteriormente teve uma segunda operação para remover o rim canceroso.

Fonte: Metro

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo