Gadoo - Notícias e Curiosidades

Menino autista fica desolado após todos os amigos deixarem de comparecer à sua festa de aniversário, mas recebe surpresa incrível após mãe fazer apelo na web

Compartilhe:

Um menino autista que convidou os amigos para comemorarem seu aniversário acabou tendo a desagradável surpresa de não receber nenhum deles em sua festa.

Odin Camus só queria que alguns dos 15 amigos que ele convidou para ir à sua festa de 13 anos em uma pista de boliche comparecessem, mas nenhum deles o respondeu. Contudo, algo incrível aconteceu depois.

Depois de ser ignorado pelos “amigos”, Odin Camus, um garoto com autismo, se sentiu muito mal, mas mesmo assim ele teve um aniversário do qual se lembrará por muito tempo.

Menino autista fica desolado após todos os amigos deixarem de comparecer à sua festa de aniversário

Odin Camus, garoto autista de 12 anos, ficou desolado quando nenhum dos amigos compareceu à sua festa de aniversário, mas teve surpresa incrível após mãe ajudar pela web.

A mãe de Odin, Melissa, estava preocupada, especialmente porque o filho, que possui a Síndrome de Asperger, uma condição muito relacionada ao autismo, se esforça muito para fazer amigos.

12


PUBLICIDADE

Então ela pediu a algumas mães de Ontário, cidade onde a família vive no Canadá, através do Facebook, que compreendessem a luta filho para fazer amigos e explicou-as que ele sofreu com o bullying por algum tempo.

Ela continuou o desabafo dizendo que não queria que o aniversário de Odin fosse apenas com os pais e que, se fosse possível, às mães enviassem mensagens de “feliz aniversário” ao filho para que ele pudesse se sentir importante.

Após isso, impressionantemente, Odin recebeu pelo menos 5.000 mensagens de texto e pouco tempo depois, sua história se tornou viral no mundo todo pelo Twitter com a hastag #OdinBirthday.

O Twitter no Canadá estima que mais de 11 mil cartões de aniversários para Odin foram publicados sexta à noite.

Os melhores votos choveram de celebridades incluindo Elijah Wood, do time de basquete do Toronto Raptors, e até mesmo da esposa do primeiro-ministro do país.

Odin então chegou à pista de boliche na sexta-feira (20) em uma limusine com repórteres e fotógrafos à sua espera.

Havia centenas de crianças com seus pais no local, além de bombeiros, policiais e professores, e todos queriam tirar fotos ao lado dele.

“É incrível como as pessoas se importam. Eu me sinto absolutamente incrível”, disse Odin.

Sua mãe ficou emocionada com reação das pessoas e com a repercussão da história do filho.

Fonte: Mirror

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo