Gadoo - Notícias e Curiosidades

Mulher com doença rara e sem cura possui as maiores e mais pesadas mãos do mundo

Compartilhe:

Por mais de 50 anos, Duangjay Samaksamam, da província de Surin, na Tailândia, tem sofrido de uma doença extremamente rara e dolorosa, que deixa seus membros permanentemente inchados, chegando a ser considera pelos médicos como a dona das maiores e mais pesadas mãos do mundo.

Mover a região afetada pode ser muito doloroso e até mesmo as tarefas mais simples, como lavar e pentear os cabelos, são extremamente difíceis para a mulher de 59 anos de idade.

Envergonhado por sua condição, Duangjay passou os primeiros 20 anos de sua vida se escondendo, e nunca foi à escola.

Mulher com doença rara e sem cura possui as maiores mãos do mundo

Duangjay Samaksamam possui as maiores e mais pesadas mãos do mundo, de acordo com médicos. Ela possui doença rara e sem cura.

Mas ela foi forçada a sair do esconderijo para ganhar a vida, a fim de cuidar de seus pais idosos e assumir o controle da mercearia da família.

55

Ela chamou a atenção de médicos de todo o mundo, com muitos especialistas tentando diminuir o inchaço, mas, até agora, nenhum deles conseguiu.


PUBLICIDADE

555

Após uma cirurgia, sua condição piorou e alguns médicos têm sugerido que a única solução possível seria amputar os membros.

Duangjay disse: “Minhas mãos são tão pesadas que mal consigo levantá-las para pentear ou passar shampoo no meu cabelo. É muito difícil. Alguns médicos disseram que a única solução era cortar as minhas mãos se eu quisesse andar livremente. Mas eu não quero fazer isso.”

5555

Duangjay nasceu com a doença chamada macrodistrofia Lipomastosa, que faz com que grandes quantidades de gordura sejam distribuídas entre seus braços e mãos.

55555

O cirurgião plástico Dr. Eiju Uchinuma disse: “Este caso é muito raro. Seus braços e mãos são enormes, mas poderia ser pior. Meu diagnóstico é que ela é a primeira e única pessoa no mundo que tem macrodistrofia lipomatosa dos ombros para os dedos nos dois braços.”

O médico afirmou que a doença ainda é desconhecida e consequente incurável.

Fonte: Mirror

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo