Gadoo - Notícias e Curiosidades

Mulher engravida do próprio pai aos 14 anos e afirma não se arrepender ter dado à luz sua filha

Compartilhe:

Uma mulher revelou na TV os abusos horríveis que sofreu nas mãos de seu próprio pai. Helen, cuja identidade foi protegida, disse que foi regularmente espancada e abusada intimamente por seu pai quando criança. Aos 14 anos de idade ela descobriu que estava grávida dele.

Falando ao programa “This Morning” , Helen contou que sua mãe tinha deixado ela e seus irmãos muito cedo, sob os cuidados de seu pai, onde viviam “como animais”, apenas a base de batatas e pães.

Quando Helen completou cinco anos de idade, o horror vivido no local aumentou, após o pai começar com os abusos íntimos sobre ela. Helen diz que tudo o que sentia era medo, e não ousava confrontá-lo.

Mulher engravida do próprio pai aos 14 anos e afirma não se arrepender

Mulher que foi engravidada pelo próprio pai aos 14 anos garantiu não ter se arrependido da decisão de ter tido a filha mesmo assim.

Quando ficou grávida do pai, aos 14 anos, os serviços sociais tentaram fazer visitas regulares à casa, mas o homem sempre os impediu de entrar.

Eventualmente um assistente social, juntamente com dois policiais e um médico, entrou na casa, onde a vítima foi encontrada com aproximadamente 7 meses de gravidez.


PUBLICIDADE

Helen disse ter entrado em choque, pois quando suspeitou da gravidez, o acusado havia lhe informado que era impossível engravidar do próprio pai.

Apesar disso, Helen disse ter ficado emocionada e alegre quando teve a filham Sarah, garantindo não se arrepender da decisão.

Mas o abuso ainda não tinha parado. Foi só quando Helen encontrou o pai com o bebê que a história mudou. “A fralda estava aberta e ele estava esfregando as mãos, se enrolando com as palavras. Eu não vi nada, mas algo não parecia certo. Acabei saindo de lá”, disse ela.

Posteriormente a polícia foi chamada e o pai levado a julgamento. Ele foi para uma unidade psiquiátrica, onde morreu mais tarde. Helen nunca o confrontou sobre o que aconteceu.

Perguntada sobre os efeitos do caso por sua filha, Helen contou que nunca teve a intenção de lhe dizer sobre o caso, mas a história acabou descoberta por Sarah, que achou alguns papéis escondidos.

Helen acabou forçada a dizer toda a verdade.

A mãe conta que atualmente a filha está viajando e o relacionamento está melhorando novamente, já que houve um período em que Sarah a odiava, depois de saber do caso.

Helen disse que será uma longa jornada para elas, mas espera que ter contado a história possa ajudar a aumentar a conscientização sobre abusos semelhantes, incentivando as pessoas a não sofrerem em silêncio.

Fonte: Mirror

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo