Gadoo - Notícias e Curiosidades

Mulher fica com cicatrizes para o resto da vida no rosto após passar por sessão de depilação a laser

Compartilhe:

Mãe de dois filhos, Vanda Thomas, de 55 anos, ficou com terrível cicatriz no queixo depois que ela gastou 182 reais em uma sessão de depilação, em um salão de beleza na Inglaterra.

Em vez de deixá-la com um queixo sem pelos e mais bonito, Vanda é obrigada a cobrir suas cicatrizes diariamente com maquiagem pesada, após a esteticista sem treinamento marcar seu rosto com queimaduras profundas, usando o poderoso laser em sua configuração mais alta.

Vanda, uma trabalhadora da área de saúde, de Ilford, no norte de Londres, foi até o salão de beleza em fevereiro, para um tratamento e aumento de sua confiança, depois que ela começou a notar um pequeno número de pelos brotando debaixo de seu queixo.

Ela disse: “Eu tinha ido lá antes para tratamentos faciais e massagens, a mulher era realmente agradável e amigável. Pensei muito sobre fazer o tratamento de depilação a laser, e então decidi que deveria ir. Quando ela colocou o laser, doeu tanto que eu pulei da cadeira. Era uma dor e ardência intensa, mas ela disse que era normal.”

Depois de completar o tratamento de 20 minutos, Vanda saiu do salão com uma sensação de queimação no rosto.


PUBLICIDADE

Foi só no dia seguinte que ela percebeu que algo estava seriamente errado, quando sua pele eclodiu em feridas e bolhas.

O médico disse a ela que o laser causou queimaduras de primeiro grau em sua pele, o que deixaria cicatrizes permanentes.

A Associação das Organizações de Saúde Independentes está pressionando o governo a introduzir um registo oficial dos profissionais aprovados para evitar novas lesões como a de Vanda.

Ela disse: “Só depois que eu percebi que essas pessoas precisam de treinamento ou licenciamento, para operar máquinas bastante perigosas.”

Um porta-voz do Departamento de Saúde disse: “Nós queremos ter certeza de que todo mundo que passa por depilação a laser recebe bons padrões de atendimento e estão cientes dos riscos. Estamos trabalhando com os órgãos de Saúde e Educação da Inglaterra para avaliar a formação e a qualificação dos prestadores de intervenções não cirúrgicas, incluindo depilação a laser.”

Fonte: Daily Mail

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo