Gadoo - Notícias e Curiosidades

Mulher gasta 176 mil reais em tratamento de aumento dos seios e acaba ganhando pelos na região

Compartilhe:

Para uma mulher, seios podem ser uma faca de dois gumes. De um lado um símbolo da feminilidade, mas de outro, uma possível fonte de ansiedade e baixa estima.

Cada uma tem seu próprio jeito de conviver com os seios, aceitando-os ou buscando maneiras de melhorá-los. Caso seja a segunda opção, recomendam-se pesquisas e precauções, procurando um bom profissional.

Isso porque uma mulher, identificada apenas por Cao, que vive na província de Zhejiang, na China, parece não ter tido muita sorte ao querer mudar a aparência de seus seios.

Mulher gasta 176 mil reais em tratamento de aumento dos seios e acaba ganhando pelos

Mulher gastou 176 mil reais em tratamento de aumento dos seios e acabou ganhando pelos no local, deixando-a horrorizada. Caso aconteceu na China.

Em 2012 foi-lhe dito que ela tinha um crescimento anormal em sua glândula mamária (hiperplasia lobular atípica), e acabou iniciando um tratamento à base de massagens para melhorar o caso, pagando aproximadamente 176 mil reais pelo procedimento que lhe dava esperanças de alargar os seios.


PUBLICIDADE

E assim ela recebeu tratamentos semanais durante um ano, até começar a notar um pouco de irritação na pele, pedindo que os terapeutas trocassem o óleo por outro importado do Japão. No entanto, uma vez que a alteração foi feita, seu tamanho do peito não teve melhoras, mas cabelos incomuns começaram a aparecer.

“Cabelos pretos cresceram em todas as áreas que foram massageadas. Estavam mais escuros do que as minhas sobrancelhas. Estou em pânico! É horrível,” comentou Cao.

Após a descoberta do cabelo no peito, ela apresentou uma queixa com os reguladores do mercado. Durante a mediação com os reguladores, eles afirmaram que a mulher estava tomando medicação para ajudar a engravidar, possivelmente alterando seus hormônios e criando o pelo.

Um novo encontro entre os responsáveis e a vítima mostrou que os óleos “japoneses” foram adquiridos na internet, a partir de um vendedor não regulamentado.

O local responsável pelo tratamento acabou culpado pelo surgimento dos pelos em seu peito. Os mediadores do caso ordenaram que o centro lhe reembolsasse o valor pago pelas sessões restantes, que acabaram canceladas.

Cao, no entanto, iniciou um processo de depilação no peito, sem custos para ela.

Fonte: Rocket News 24

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo