Gadoo - Notícias e Curiosidades

Mulher grávida processa empresa em mais de 1 milhão de reais após ser demitida por ter que fazer muitas visitas ao banheiro

Compartilhe:

Uma mulher de Oregon, EUA, está processando seu ex-empregador de uma empresa de tecnologia em mais de 1 milhão de reais, alegando que ela foi demitida quando estava grávida de seu segundo filho, após ter sido informada de que deveria parar de usar o sanitário.

O processo diz que Dawn Steckmann e outros funcionários nunca tinham sido informados de que eles precisavam de tempo estipulado para usar o banheiro. O processo alega gravidez e discriminação de gênero.

Dawn começou a ter problemas com as questões de uso do banheiro na primeira gravidez, em 2011, e quando ficou novamente grávida, em 2013, suas idas se tornaram mais frequentes.


PUBLICIDADE

Mulher grávida demitida por ter que fazer muitas visitas ao banheiro, processa empresa em mais de 1 milhão de reais

Dawn Steckmann processou empesa de tecnologia onde trabalhou após ser demitida por ter que ir muitas vezes ao banheiro quando estava grávida.

Em junho do ano passado ela foi chamada para uma reunião com seu supervisor e um gerente de recursos humanso, que perguntaram se ela não estava batendo o ponto nas pausas para usar o toalete.

55

Seu supervisor alegou que ele tinha dito a Dawn que ela precisava sempre bater o ponto.

Dawn está buscando compensação por salários e benefícios perdidos, danos à sua reputação e sofrimento emocional.

Fonte: Daily Mail

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo