Gadoo - Notícias e Curiosidades

Mulher realiza aborto após filha de 13 anos a obrigar depois de tentar suicídio

Compartilhe:

Uma mulher grávida, de 44 anos de idade, de Wuhan, província de Hubei, na China, abortou um bebê depois que sua filha de 13 anos de idade ameaçou cometer suicídio caso ela não tirasse a criança.

A mulher, de sobrenome Xiao, é uma dona de casa e seu marido tem uma empresa. Ambos decidiram ter um segundo filho, depois da China flexibilizar a política do filho único, que agora permite que os casais tenham dois filhos se um dos pais for filho único.

“Depois que Wen Wen [primeiro filho de Xiao] soube sobre minha gravidez, muitas vezes ela disse que iria saltar de um prédio para a morte se mantivéssemos o bebê”, disse Xiao. “Ela jogava as coisas dentro de casa para aliviar sua raiva.”


PUBLICIDADE

Mulher realiza aborto após filha a obrigar depois de tentar suicídio

Chinesa Xiao não viu outra saída a não ser realizar aborto depois de filha de 13 anos ameaçar suicídio caso ela tivesse outro filho.

Wen Wen mais tarde ameaçou fugir de casa, ser reprovada na escola e até mesmo se matar.

Quando Xiao viu marcas no braço de Wen Wen, que tentou se cortar, ela e seu marido ficaram em alerta máximo. Com medo de perder a primeira filha, Xiao, com a companhia de seu marido, foi a um hospital e acabou com sua gravidez depois de 13 semanas.

“É normal que a única criança se sinta infeliz quando os pais querem um segundo filho,” Hu Hongtao, um médico do Hospital Hankou, disse à imprensa local. “Os pais devem primeiro se comunicar com o primeiro filho e assegurar-lhe que, mesmo se eles tiverem um outro bebê, eles não vão amá-lo menos”, acrescentou Hu.

Fonte: Shanghaiist

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo