Gadoo - Notícias e Curiosidades

Pai discute com mulher, atira para o alto e bala mata sua filha no quarto de cima

Compartilhe:

Um homem se declarou culpado do assassinato acidental da própria filha. Ele teria atirado para o alto em uma discussão com sua esposa e acabou atingindo a criança que brincava no quarto de cima.

Deandre Kelley, de 34 anos, estaria embriagado no dia do ocorrido, 12 de janeiro deste ano. Ele brigou com a companheira e disparou dois tiros para o alto. Uma bala atingiu em cheio Shanti Lanza, de 11 anos, que estava em uma festa do pijama com as amigas.

O homem participou de uma audiência em tribunal, e se declarou culpado de homicídio imprudente. Os promotores retiraram as acusações de homicídio involuntário, colocando em riso as crianças, além do porte de armas.

O acusado recebeu pena de seis anos, evitando os 20 anos que poderia ter de cumprir. A mãe da menina, Kristina Lanza, disse que Kelley deveria ter uma pena mais branda. “Eu sei que Snati teria perdoado seu pai”. “Esse foi um completo acidente”, afirmou a mulher.


PUBLICIDADE

Kelley foi detido após a bala atira por ele acertar o pulmão da filha. A menina morreu mais tarde, mas o pai foi impedido de assistir seu funeral.

Homem matou acidentalmente a filha ao atirar para cima e acertá-la em seu quarto

Homem matou acidentalmente a filha ao atirar para cima e acertá-la em seu quarto

Fonte: NY Daily News

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo