Gadoo - Notícias e Curiosidades

Pai mata filho de cinco semanas batendo sua cabeça no berço por não suportar a responsabilidade da paternidade

Compartilhe:

Um homem que se tornou pai recentemente matou seu filho de cinco semanas causando lesões em sua cabeça após sentir que a paternidade significada que “sua vida havia acabado”. O caso ocorreu em Paignton, Devon, no Reino Unido.

Matthew Wickens, de 24 anos, perdeu a paciência quando ficou sozinho com o bebê Riley em sua casa. Ele chacoalhou seu filho antes de bater o rosto da criança no berço, levando a criança a sofrer ferimentos graves.

Para piorar a situação, o rapaz planejou esconder o que tinha feito, e tentou encobrir as lesões do bebê colocando um chapéu na criança. Ele não chamou nenhuma ajuda médica, e ainda acusou a mãe da criança, Gemma Gardener, de ser a suspeita da agressão.

A mulher foi forçada a se afastar do outro filho, Jayden, de 14 meses, enquanto lutava contra os processos.


PUBLICIDADE

Matthew Wickens

Matthew Wickens matou seu filho de cinco semanas batendo a cabeça da criança no berço por não suportar a responsabilidade da paternidade.

Matthew acabou confessando o crime. Ele trabalhava em um supermercado, e tinha como objetivo se juntar ao Exército.

O rapaz foi preso e deve cumprir pena de seis anos e cinco meses após a confissão.

Fonte: Daily Mail

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo