Gadoo - Notícias e Curiosidades

Policial sem muito prestígio é preso após ir trabalhar com Ferrari de 700 mil reais e levantar suspeita de outros oficiais

Compartilhe:

Um oficial de polícia, sem muito prestígio, acabou preso ao ir trabalhar em uma Ferrari de aproximadamente 700 mil reais e levantar suspeitas na corporação, que acabou descobrindo que ele era o líder de uma quadrilha responsável por tráfico de drogas e lavagem de dinheiro.

Osman Iqbal foi preso por sete anos e agora está enfrentando três novas acusações de má conduta em uma repartição pública.

Osman, de Ward End, Birmingham, Inglaterra, se declarou culpado e admitiu fazer tentativas não autorizadas de acesso aos sistemas de inteligência da polícia enquanto servia o local, em West Midlands.


PUBLICIDADE

Policial é preso após ir trabalhar com Ferrari de 700 mil reais e levantar suspeita de outros oficiais

Policial Osman Iqbal foi preso após ir trabalhar com Ferrari de 700 mil reais levantando suspeitas na polícia que acabou descobrindo que ele era chefe de quadrilha na Inglaterra.

Duas propriedades foram colocadas sob vigilância em uma operação conjunta com a Polícia Metropolitana, que acabou descobrindo que os locais eram bordéis da quadrilha.

Osman e seus associados estavam recebendo clientes nas boates voltadas ao público adulto, onde ofereciam mulheres e drogas.

Autoridades informaram que a quadrilha era bem articulada, mas o fato do ex-policial com um salário razoável aparecer com um veículo luxuoso no local, acabou levando a investigação e descoberta dos crimes.

Fonte: Metro

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo