Gadoo - Notícias e Curiosidades

Professor é proibido de dar aulas após ser flagrado em suposto assédio íntimo contra alunas

Compartilhe:

Um professor universitário, aposentado de uma escola de belas artes em Sichuan, China, foi proibido de ensinar depois de imagens o mostraram beijando duas moças em um restaurante virem à tona. As imagens foram publicadas na internet e provocaram diversas acusações de que as mulheres eram suas alunas.

Um usuário da web, responsável pelas fotos, disse que reconheceu o homem chamado Wang Xiaojian, um ex-professor, suspeitando de seu assédio às alunas.

No dia seguinte, Wang Xiaojian disse em uma resposta ao público que já estava aposentado do instituto e que as duas meninas não eram suas alunas. Ele alegou que não tinha feito nada de errado e estava jantando com as duas.


PUBLICIDADE

Professor é proibido de dar aulas após ser flagrado em suposto assédio íntimo

Professor aposentado foi acusado de assédio íntimo em supostas alunas durante um jantar na China, e acabou sendo proibido de dar aulas.

O instituto mais tarde fez uma declaração sobre o assunto, destacando que Wang Xiaojian era um professor aposentado. A escola também disse que já havia proibido Wang de quaisquer outras atividades de ensino e pesquisa, além de reduzir seus ganhos como aposentado no cargo.

88

No dia 12 de outubro, um pedido de desculpas escrito por Wang foi publicado na internet. Ele disse que estava arrependido por seu comportamento na noite do dia 10 e admitiu que tivesse bebido.

888

Fonte: Shanghaiist

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo