Gadoo - Notícias e Curiosidades

Professora oferece pontos extras a alunas de universidade que concordarem em deixar cabelos das axilas crescerem

Compartilhe:

As alunas da Universidade do Estado do Arizona ganharam a oportunidade de somar pontos extras nos estudos. Para isso elas precisam deixar o cabelo das axilas crescer durante 10 semanas no semestre.

A professora do Curso, Breanne Fahs, começou a fazer a oferta esquisita para os alunos em 2010, como forma desafiadora de mudar o conceito de estereótipos criados pela sociedade.

Estudantes do sexo masculino também podem ganhar pontos extras, mas para isso precisam raspar seus pêlos.

Fahs, que é professora associada de mulheres e estudos de gênero na New College of Interdisciplinary Artes e Ciências da ASU, disse: “Não há melhor maneira de aprender sobre as normas sociais do que violá-las e ver como as pessoas reagem. Não há realmente nenhuma razão para que a escolha de fazer a barba, ou não, deva ser um grande negócio.”


PUBLICIDADE

Professora oferece pontos para as alunas que deixam os cabelos das axilas crescerem

Breanne Fahs ofereceu pontos extras para alunas que deixarem cabelos das axilas crescerem, e para os homens que rasparem todos os pêlos do corpo.

Uma das alunas que concordou em participar – durante três semestres – afirma que a reação foi extremista: “Muitos dos meus amigos não queriam trabalhar ao meu lado, e minha mãe estava perturbada com a idéia de que eu pudesse me casar em um vestido branco com cabelo nas axilas”, admitiu Stephanie Robinson.

Fahs também incentiva seus alunos do sexo masculino a se envolver na campanha, raspando todo o cabelo do corpo. Ela acredita que isso lhes dá uma visão do que mulher que raspa passar.

Fonte: Metro

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo