Gadoo - Notícias e Curiosidades

Stripper grávida é presa após filho de dois meses morrer de fome

Compartilhe:

Uma stripper grávida está sendo acusada de assassinato pela morte do filho de dez meses. A criança aparentemente teria morrido de fome.

Brittany Marie Wiest, de 21 anos, vive em Tennessee, nos EUA. Ela foi presa após o filho de dez meses, Anakin Leroy-Michael Withers, falecer.

Seu companheiro no momento da morte, Michael Withers, ligou para os serviços de emergência depois que o casal acordou e encontrou o bebê inconsciente. O caso ocorreu no dia 8 de abril do último ano. O homem não é o pai da criança.

A polícia chegou à residência e encontrou o bebê desnutrido e morto. A criança pesava pouco menos de três quilos ao nascer, e, após 59 dias, não passava dos 5 quilos.

Stripper grávida é presa após filho de dois meses morrer de fome

Uma stripper grávida está sendo acusada de assassinato pela morte do filho de dez meses. A criança aparentemente teria morrido de fome.

Uma autópsia, realizada meses depois, mostrou que Anakin veio a óbito por inanição e desidratação. Sua morte foi considerada um homicídio.


PUBLICIDADE

33

A mãe está grávida do terceiro filho. A gestação já está na 24ª semana.

Steve Anderson, atual namorado de Brittany e pai do bebê que ela está esperando, afirmou que foi surpreendido ao saber o que causou a morte de Anakin. Ele alegou que sua intenção agora é conseguir a custódia do bebê.

Os três filhos de Britanny têm pais diferentes. Ela foi acusada de abuso agravado a crianças, negligência infantil e assassinato. Sua próxima audiência no tribunal deve ocorrer no próximo dia 17.

Fonte: Mirror

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo