Gadoo - Notícias e Curiosidades

Taxista ilegal espanca mulher com bebê de colo após discussão por 1 real

Compartilhe:

Uma mulher de 28 anos de idade, em Wuhan, na China, foi gravemente espancada pelo motorista de um táxi sem licença, depois que ela se recusou a pagar uma sobrecarga no valor aproximado de R$1,05 reais.

A mulher, de sobrenome Wang, estava carregando seu filho bebê, de 18 meses de idade, para um hospital, no último dia 5 de julho, quando chamou um táxi. Depois de ser informado sobre o destino, o taxista, de sobrenome Yuan, disse que a viagem custaria R$6,45 reais. Ele acabou fazendo um desvio que adicionou o valor de R$1,05 extra à tarifa, e Wang se recusou a pagar, começando a discussão.

Wang estava furiosa e insistiu pagar apenas uma taxa extra de R$0,70 ao motorista. No calor da discussão, Yuan parou o táxi, atingiu a cabeça de Wang com uma barra de aço e ferozmente a espancou.


PUBLICIDADE

Taxista espanca mulher com bebê de colo

Mulher de sobrenome Wang se recusou a pagar quantia de cerca de 1 real a taxista após tarifa extra cobrada por ele, e acabou sendo espancada depois da discussão.

Os gritos do filho de Wang acabaram atraindo a multidão que chamou a polícia. Wang foi enviada para o hospital onde foram encontrados hematomas e arranhões sobre seu corpo. Ela foi diagnosticada com fraturas ósseas e leve concussão cerebral, enquanto seu filho permaneceu ileso.

1333

Após investigação policial, o taxista de 45 anos foi condenado a prisão administrativa por cinco dias.

13333

Fonte: Shanghaiist

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo