Gadoo - Notícias e Curiosidades

6 curiosidades sobre Cristóvão Colombo que pouca gente sabe

Compartilhe:

O “descobridor” da América Cristóvão Colombo (1451-1506) é um dos personagens mais importantes quando falamos de colonização do continente americano. Mas você sabia que ele nunca pisou na América do Norte?

Essa figura famosa dos livros de história possui personalidade curiosa que poucas pessoas conhecem, mas vamos elucidar na matéria abaixo.

Conheça então alguns fatos curiosos sobre  Cristóvão Colombo e entenda como se deu a ocupação europeia aqui em nosso continente.

Veja só:

 

1. Ele foi o “descobridor” que nunca pisou na América do Norte

(Fonte: Architect of the Capitol / Reprodução)

Cristóvão Colombo jamais pisou no território norte-americano. Quando esteve na América, ele acreditava ter chegado a alguma região da Ásia, mas na verdade tinha encontrado as Bahamas, no mar do Caribe. O genovês faleceu sem nunca saber o significado real das viagens que realizou.

2. Preso por tirania

(Fonte: Pinterest / Reprodução)

Ele foi ligado ao genocídio do povo indígena no início do processo de escravidão na América, além de ter enfrentado problemas relacionados à sua personalidade tirânica na Espanha. Quando o rei Fernando II de Aragão e a rainha Isabel descobriram o que o navegador vinha realizando em solo americano, um comissário real foi enviado para prender Colombo no ano de 1500. Ele foi levado de volta ao seu país natal e destituído do cargo, acabando na prisão.

3. Seus restos mortais desapareceram

(Fonte: Alamy / Reprodução)

Depois de morrer, em 1506, Colombo teve seus restos mortais desaparecidos do mapa. Quando foi transferido de Valladolid para Sevilha, na Espanha, sua nora solicitou que o corpo fosse enterrado ao lado do filho, Diego, em uma catedral em Santo Domingo, na República Dominicana.


PUBLICIDADE

Após quase três séculos, com a chegada dos franceses na região do Caribe, os restos mortais de Colombo foram levados de volta a Sevilha, até que uma descoberta na Catedral de Santo Domingo em 1877, com o nome de Colombo em uma tumba, indicou que os restos do explorador podem ter acabado sumindo. Isso ainda é uma parte da história que não teve conclusão realizada.

4. Rejeitado internacionalmente

(Fonte: Wikipedia / Reprodução)

Antes do rei da Espanha, Fernando II, financiar sua viagem, Colombo foi rejeitado por grande parte da Inglaterra e da França enquanto tentava convencer os conselheiros locais sobre a importância de realizar a expedição. Eles justificava que a viagem seria um desperdício de dinheiro e acusavam o navegador de ter se equivocado sobre seus cálculos de rota e circunferência da Terra.

5. Era um defunto problemático

(Fonte: AP / Reprodução)

Até depois de morto ele causou dores de cabeça, já que a destituição e prisão por tirania causaram grandes prejuízos para os herdeiros de Colombo, que tiveram que entrar em batalhas legais contra o rei o acusando de não cumprir os acordos de lucros acertados antes da viagem  do navegador.

Mesmo depois de terem resolvido, anos depois, tal imbróglio, grande parte dos problemas ainda estão arquivados.

6. Feriado nacional de Colombo

(Fonte: Flickr / Reprodução)

Vários povos ao redor do mundo celebram o Dia de Colombo, ou Dia da Hispanidade, na segunda semana de outubro. O feriado existe desde 1937, e atualmente alguns grupos abolicionistas e anticolonialistas pressionam entidades para acabarem com tal data, já que para eles ela representa a “violenta história da colonização no hemisfério ocidental”.

 

Fonte: All That’s Interesting

Imagem: Flickr 

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo