Gadoo

Cientistas desvendam cura universal para venenos de cobras

Cientistas estão trabalhando no desenvolvimento de uma cura universal para veneno de cobra. Eles iniciaram o processo com espécies encontradas na África.

Os especialistas injetaram grandes quantidades de veneno extraídos em gado e, em seguida, conseguiram extrair anticorpos, o que lhes permitiram criar os “anti-venenos”.

A nova técnica, conhecida como “antivenomics”, está permitindo a pesquisadores da Escola de Medicina Tropical de Liverpool, na Inglaterra, a aumentarem a potência de extração de veneno, e, consequentemente, a potência do antídoto.


PUBLICIDADE

Cientistas estão trabalhando no desenvolvimento de uma cura universal para veneno de cobra. Eles iniciaram o processo com espécies encontradas na África.

Dezenas de milhares de vidas poderiam ser salvas anualmente caso os cientistas obtiverem avanços no estudo.

A gama de anti-venenos atualmente disponível é bastante limitada.

Segundo estatísticas, picadas de cobras matam 32 mil pessoas por ano na África. Além disso, elas geram lesões agravadas em mais de 96 mil pessoas no mesmo período.

Fonte: Metro

Sair da versão mobile