Gadoo - Notícias e Curiosidades

7 benefícios surpreendentes para que você tenha mais relações íntimas

Compartilhe:

Todos sabem que ter relações íntimas ou atingir ápices prazerosos causa uma boa sensação ao nosso corpo, mas você sabia que isso é benéfico para a sua saúde física e mental?

Chegar ao auge pode contribuir para que você pareça mais jovem e até mesmo ajudá-lo a viver por mais tempo, de acordo com pesquisas médicas.

Abaixo segue 7 razões, trazidas pela LELO, uma das principais especialistas em prazer do mundo, para que você pratique mais este ato.

Benefícios surpreendentes para que você tenha mais relações íntimas

Todos sabem que ter relações íntimas ou atingir ápice prazeroso fornece uma boa sensação ao nosso corpo. Lista reúne 7 razões para ter mais relação íntima.

Confira:

1. Pessoas que atingem o auge 4 ou mais vezes por semana aparentam ser mais jovens, de acordo com Dr. David Weeks, um psicólogo clínico consultor britânico, que examinou cerca de 3.500 pessoas.

121


PUBLICIDADE

Apenas a atividade física se mostrou mais importante do que a relação íntima para tal fim.

2. Aqueles que atingem o pico por duas vezes semanais ou mais, podem ter uma expectativa de vida de até 8 anos a mais, acordo com o “British Medical Journal”.

3. Quando atingimos tal ponto, um hormônio chamado oxitocina, que induz sentimentos de otimismo, é liberado.

Além disso, estudos também têm demonstrado que um aumento nos níveis de oxitocina pode aliviar a dor, como a de cabeça, cãibras e corporais em geral.

4. O sêmen tem propriedades antidepressivas. Um estudo da Universidade Estadual de Nova York descobriu que mulheres que regularmente têm relações íntimas sem preservativo são menos deprimidas – embora devamos nos proteger.

5. Atingir o ápice pode ajudar dormir, já que há liberação de melatonina, um hormônio que ajuda a regular o sono.

Além disso, atingir tal ponto ajuda a aliviar a ansiedade e o prepara melhor para uma sólida noite de sono.

6. O auge fica melhor com a idade, de acordo com uma pesquisa da LELO.

7. É possível que você treine para ter um ápice melhor. Fazer “exercícios de Kegel” regularmente ajuda a melhorar a região dos órgãos pélvicos, o que aumenta a intensidade e a frequência do “pico”, além de um melhor controle da bexiga.

Fonte: DailyStar

Gostou? Então compartilhe:
Quer receber mais coisas interessantes? Curta nossa página no Facebook:
Deixe seu comentário:
Gadoo - Notícias e Curiosidades
© Todos os direitos reservados | Gadoo