Gadoo

Mulher fica paralisada da cintura para baixo depois de dar à luz seu primeiro filho

Uma mulher revelou ter ficado paralisada da cintura para baixo depois de dar à luz seu primeiro filho.

Quando estava grávida de 18 semanas, Fiona Miller, de 26 anos de idade, de Orkney, na Escócia, sentia-se mal, com dores de cabeça e visão embaçada.

Na 28ª semana de gestação ela acabou sendo diagnosticada com Esclerose Múltipla. Fiona não começou um tratamento por temer que isso afetasse seu bebê. Sua visão piorou, ela sentia fraqueza nas pernas e seu equilíbrio era horrível.

Depois que seu filho, Lucas, nasceu saudável, ela iniciou o tratamento para a doença. A mulher teve que passar dois meses reaprendendo a se sentar, a levantar e a caminhar.

Fiona Miller, de 26 anos de idade, de Orkney, na Escócia, revelou ter ficado paralisada da cintura para baixo depois de dar à luz seu primeiro filho, Lucas.

“Dois dias depois de dar à luz, minha saúde deteriorou-se e eu não conseguia mover minhas pernas”, relatou a jovem mãe, que tinha Esclerose Múltipla remitente – cujos sintomas surgiam e cessavam.

Agora ela está de volta a sua casa e conta com o apoio família para ajudá-la. “Eu estou bem no dia-a-dia, mas ainda não posso andar como já pude”, contou.

Relembrando o que passou, Fiona, que vive com seu companheiro, Graeme Bain, de 35 anos, disse que quando recebeu o diagnostico foi para casa e começou a chorar.


PUBLICIDADE

Fonte: DailyMail

Sair da versão mobile